WirelessBRASIL

WirelessBrasil  -->  Bloco Tecnologia  -->  Recuperação judicial da Oi --> Índice de artigos e notícias --> 2017

Obs: Os links originais das fontes, indicados nas transcrições, podem ter sido descontinuados ao longo do tempo


Leia na Fonte: Tele.Síntese
[17/07/17]  Oi registra 4.410 pequenos credores dispostos a negociar dívida - por Rafael Bucco

Oi segue impedida de efetuar qualquer pagamento antecipado a credores com até R$ 50 mil a receber.

A Oi registrou 17 mil acessos à página que criou para negociar o pagamento de pequenos credores desde o final de junho. E obteve 4.410 registros de interessados em antecipar o recebimento, dos 53 mil possíveis.

A proposta da operadora é pagar antecipadamente 90% das dívidas de até R$ 50 mil. O restante sai após a homologação do plano de recuperação judicial.

O objetivo dessa mediação é reduzir a lista de credores, que tem ao todo 55 mil nomes. Somente os pequenos são 53 mil. E também ampliar os votos favoráveis na assembleia de credores, uma vez que o contrato prevê concordar com o plano de recuperação proposto pela companhia.

Pagamentos suspensos

Os pagamentos, no entanto, seguem suspensos por liminar obtida pelo Banco de Desenvolvimento da China em 23 de junho. A empresa não pode fazer qualquer negociação. Impedida de iniciar os pagamentos, a tele segue apenas cadastrando interessados.

“A Oi aguarda decisão da Justiça para dar continuidade ao programa, o que será oportunamente comunicado aos credores cadastrados por email, telefone e/ou SMS”, diz a companhia em comunicado à imprensa.

A operadora entrou em recuperação judicial em junho de 2016. Registrava, à época, dívida de R$ 65,4 bilhões. Em dezembro do ano passado apresentou um plano de recuperação judicial, que foi alterado este ano. A companhia prevê realizar até setembro a assembleia oficial com credores para aprovar a proposta.
Oi registra 4.410 pequenos credores dispostos a negociar dívida -por Rafael Bucco

[17/07/17] Oi segue impedida de efetuar qualquer pagamento antecipado a credores com até R$ 50 mil a receber.

A Oi registrou 17 mil acessos à página que criou para negociar o pagamento de pequenos credores desde o final de junho. E obteve 4.410 registros de interessados em antecipar o recebimento, dos 53 mil possíveis.

A proposta da operadora é pagar antecipadamente 90% das dívidas de até R$ 50 mil. O restante sai após a homologação do plano de recuperação judicial.

O objetivo dessa mediação é reduzir a lista de credores, que tem ao todo 55 mil nomes. Somente os pequenos são 53 mil. E também ampliar os votos favoráveis na assembleia de credores, uma vez que o contrato prevê concordar com o plano de recuperação proposto pela companhia.

Pagamentos suspensos

Os pagamentos, no entanto, seguem suspensos por liminar obtida pelo Banco de Desenvolvimento da China em 23 de junho. A empresa não pode fazer qualquer negociação. Impedida de iniciar os pagamentos, a tele segue apenas cadastrando interessados.

“A Oi aguarda decisão da Justiça para dar continuidade ao programa, o que será oportunamente comunicado aos credores cadastrados por email, telefone e/ou SMS”, diz a companhia em comunicado à imprensa.

A operadora entrou em recuperação judicial em junho de 2016. Registrava, à época, dívida de R$ 65,4 bilhões. Em dezembro do ano passado apresentou um plano de recuperação judicial, que foi alterado este ano. A companhia prevê realizar até setembro a assembleia oficial com credores para aprovar a proposta.